terça-feira, setembro 02, 2008

Varigol: Cada Vez Mais Próximo da Realidade

Foi liberado pela ANAC o code share entre a Gol e Varig. A união entre as duas cias ainda está em estudo pela agência, mas a permissão para que uma cia transporte passageiros nos vôos da outra já foi tomada.

Portanto, há uma possibilidade de que comprando uma passagem Varig, o passageiro seja transportado em um vôo da Gol e vice-versa, desde que isso seja informado ao consumidor no momento da compra.

Essa modificação poderá facilitar as conexões dos passageiros que voam Varig, já que ela ainda voa para um número reduzido de localidades. Será que os associados Smiles poderão aproveitar dessas mudanças?

Muitas dúvidas agora povoam as mentes dos funcionários da Varig, já que o futuro da cia ainda é incerto. Como no Brasil tudo é possível, não me assustaria com uma aeronave pintada de Varig na frente e de Gol atrás, trazendo na frente poltronas Varig e na parte traseira poltronas Gol, formalizando dessa forma a Varigol. Seria instituída então, a classe econômica e a mais econômica ainda, aquela da barrinha de cerea, mas todo mundo pagando quase o mesmo preço que o da concorrência...

7 comentários:

Anônimo disse...

Como você acha que vai ficar o programa Smiles com essa possível Varigol? Existe a possibilidade de usar as milhas acumuladas pela Varig na Gol?

Oldemar disse...

Rodrigo,

Você sabe maiores informações sobre vôo American Airlines Salvador/Recife/Miami a partir de novembro?

abs,

Oldemar

Dudu disse...

E a TAM encerrou a emissão de tickets com 3000 pontos no Fidelidade. Agora o mínimo é 5000. Como vc sempre diz, milha boa é milha gasta... =) Abco!

Anônimo disse...

Rodrigo,
a United desisitu de cobrar por comida, deu no NYT
http://thelede.blogs.nytimes.com/2008/09/02/airline-finds-tickets-and-meals-inseparable/index.html?hp

PêEsse disse...

Adorei o trecho " (...) a classe econômica e a mais econômica ainda (...)". Sou defensor ferrenho das passagens aéreas sem frescuras. Basta água, poltronas suportáveis e um limite razoável de bagagem. Mas o que o post diz é verdade. Os "luxos" vão sendo cortados mas os preços não acompanham.

Anônimo disse...

Rodrigo,
Eu pensó que as companhias aéreas poden economizar em algunas coisas, mas não em seguridade. A seguridade é o principal!
Carmen

Rodrigo Purisch disse...

Quanto ao Smiles,

O futuro é incerto como o da Varig. Mas acho que a Varigol poderia usá-lo como uma forma de aumentar suas vendas. Há uma possibilidade de que as milhas possam ser utilizadas também na Gol. Vamos aguardar a aprovação da fusão pela ANAC.

Oldemar,

Inicia-se dia 02 de novembro, será diário operado com um 767-300. Parte de Salvador as 8:50, faz escala em Recife de onde parte as 11:35 e chega em Miami as 17:40. Na volta parte de Miami as 21:10, pousa em Salvador as 7:20 e em Recife as 10:05h.

Tem promoção de passagens: De Recife a aprtir de 669 e de SSA a partir de 676 USD sem taxas (QLX14L3B). Tarifas válidas para vôos até 28 de maio, compra 3 dias após a reserva e com reseva com pelo menos 14 dias antes do vôo . Não vale para vôos do dia 27 de nov a 18 de janeiro e de 12 de fevereiro a 21 de fevereiro.

Dudu,

Promoção é promoção. Inicia-se sem avisar e nesse caso específico da TAM nunca teve data para acabar. Quem sabe eles não voltam com ela daqui algum tempo?

Anônimo,

Obrigado pelo link da United. O legal no texto foi: A resposta que tivemos dos nossos clientes corporativos e e associados do Mileage Plus nos levou a reconsiderar a decisão.....

Pêese,

Também não tenha nada contra cortar luxo de vôos curtos. Nos longos já tenho outra opinião. Mas o gande problema é que a economia delas não se reflete nas passagens.

Carmen,

O problema é que essa economia já atingiu o conforto (tem muita cia que desliga o ar condicionado em solo apesar do calor lá fora para economizar combustível). Agora estão questionando se não afeta a segurança. Aviões com menos combustível (para reduzir o peso) estariam também com menos combustível em caso de problemas...Tem uma cia aérea Canadense que vai retirar os coletes salva vidas das aeronaves, alegando que não faz usualmente vôos sobre o mar, só sobre os grandes lagos. Vai economizar menos de 40 kg de peso....

Começa assim e não sabemos onde vai parar...


Um abraço a todos

terça-feira, setembro 02, 2008

Varigol: Cada Vez Mais Próximo da Realidade

Foi liberado pela ANAC o code share entre a Gol e Varig. A união entre as duas cias ainda está em estudo pela agência, mas a permissão para que uma cia transporte passageiros nos vôos da outra já foi tomada.

Portanto, há uma possibilidade de que comprando uma passagem Varig, o passageiro seja transportado em um vôo da Gol e vice-versa, desde que isso seja informado ao consumidor no momento da compra.

Essa modificação poderá facilitar as conexões dos passageiros que voam Varig, já que ela ainda voa para um número reduzido de localidades. Será que os associados Smiles poderão aproveitar dessas mudanças?

Muitas dúvidas agora povoam as mentes dos funcionários da Varig, já que o futuro da cia ainda é incerto. Como no Brasil tudo é possível, não me assustaria com uma aeronave pintada de Varig na frente e de Gol atrás, trazendo na frente poltronas Varig e na parte traseira poltronas Gol, formalizando dessa forma a Varigol. Seria instituída então, a classe econômica e a mais econômica ainda, aquela da barrinha de cerea, mas todo mundo pagando quase o mesmo preço que o da concorrência...

7 comentários:

Anônimo disse...

Como você acha que vai ficar o programa Smiles com essa possível Varigol? Existe a possibilidade de usar as milhas acumuladas pela Varig na Gol?

Oldemar disse...

Rodrigo,

Você sabe maiores informações sobre vôo American Airlines Salvador/Recife/Miami a partir de novembro?

abs,

Oldemar

Dudu disse...

E a TAM encerrou a emissão de tickets com 3000 pontos no Fidelidade. Agora o mínimo é 5000. Como vc sempre diz, milha boa é milha gasta... =) Abco!

Anônimo disse...

Rodrigo,
a United desisitu de cobrar por comida, deu no NYT
http://thelede.blogs.nytimes.com/2008/09/02/airline-finds-tickets-and-meals-inseparable/index.html?hp

PêEsse disse...

Adorei o trecho " (...) a classe econômica e a mais econômica ainda (...)". Sou defensor ferrenho das passagens aéreas sem frescuras. Basta água, poltronas suportáveis e um limite razoável de bagagem. Mas o que o post diz é verdade. Os "luxos" vão sendo cortados mas os preços não acompanham.

Anônimo disse...

Rodrigo,
Eu pensó que as companhias aéreas poden economizar em algunas coisas, mas não em seguridade. A seguridade é o principal!
Carmen

Rodrigo Purisch disse...

Quanto ao Smiles,

O futuro é incerto como o da Varig. Mas acho que a Varigol poderia usá-lo como uma forma de aumentar suas vendas. Há uma possibilidade de que as milhas possam ser utilizadas também na Gol. Vamos aguardar a aprovação da fusão pela ANAC.

Oldemar,

Inicia-se dia 02 de novembro, será diário operado com um 767-300. Parte de Salvador as 8:50, faz escala em Recife de onde parte as 11:35 e chega em Miami as 17:40. Na volta parte de Miami as 21:10, pousa em Salvador as 7:20 e em Recife as 10:05h.

Tem promoção de passagens: De Recife a aprtir de 669 e de SSA a partir de 676 USD sem taxas (QLX14L3B). Tarifas válidas para vôos até 28 de maio, compra 3 dias após a reserva e com reseva com pelo menos 14 dias antes do vôo . Não vale para vôos do dia 27 de nov a 18 de janeiro e de 12 de fevereiro a 21 de fevereiro.

Dudu,

Promoção é promoção. Inicia-se sem avisar e nesse caso específico da TAM nunca teve data para acabar. Quem sabe eles não voltam com ela daqui algum tempo?

Anônimo,

Obrigado pelo link da United. O legal no texto foi: A resposta que tivemos dos nossos clientes corporativos e e associados do Mileage Plus nos levou a reconsiderar a decisão.....

Pêese,

Também não tenha nada contra cortar luxo de vôos curtos. Nos longos já tenho outra opinião. Mas o gande problema é que a economia delas não se reflete nas passagens.

Carmen,

O problema é que essa economia já atingiu o conforto (tem muita cia que desliga o ar condicionado em solo apesar do calor lá fora para economizar combustível). Agora estão questionando se não afeta a segurança. Aviões com menos combustível (para reduzir o peso) estariam também com menos combustível em caso de problemas...Tem uma cia aérea Canadense que vai retirar os coletes salva vidas das aeronaves, alegando que não faz usualmente vôos sobre o mar, só sobre os grandes lagos. Vai economizar menos de 40 kg de peso....

Começa assim e não sabemos onde vai parar...


Um abraço a todos

terça-feira, setembro 02, 2008

Varigol: Cada Vez Mais Próximo da Realidade

Foi liberado pela ANAC o code share entre a Gol e Varig. A união entre as duas cias ainda está em estudo pela agência, mas a permissão para que uma cia transporte passageiros nos vôos da outra já foi tomada.

Portanto, há uma possibilidade de que comprando uma passagem Varig, o passageiro seja transportado em um vôo da Gol e vice-versa, desde que isso seja informado ao consumidor no momento da compra.

Essa modificação poderá facilitar as conexões dos passageiros que voam Varig, já que ela ainda voa para um número reduzido de localidades. Será que os associados Smiles poderão aproveitar dessas mudanças?

Muitas dúvidas agora povoam as mentes dos funcionários da Varig, já que o futuro da cia ainda é incerto. Como no Brasil tudo é possível, não me assustaria com uma aeronave pintada de Varig na frente e de Gol atrás, trazendo na frente poltronas Varig e na parte traseira poltronas Gol, formalizando dessa forma a Varigol. Seria instituída então, a classe econômica e a mais econômica ainda, aquela da barrinha de cerea, mas todo mundo pagando quase o mesmo preço que o da concorrência...

7 comentários:

Anônimo disse...

Como você acha que vai ficar o programa Smiles com essa possível Varigol? Existe a possibilidade de usar as milhas acumuladas pela Varig na Gol?

Oldemar disse...

Rodrigo,

Você sabe maiores informações sobre vôo American Airlines Salvador/Recife/Miami a partir de novembro?

abs,

Oldemar

Dudu disse...

E a TAM encerrou a emissão de tickets com 3000 pontos no Fidelidade. Agora o mínimo é 5000. Como vc sempre diz, milha boa é milha gasta... =) Abco!

Anônimo disse...

Rodrigo,
a United desisitu de cobrar por comida, deu no NYT
http://thelede.blogs.nytimes.com/2008/09/02/airline-finds-tickets-and-meals-inseparable/index.html?hp

PêEsse disse...

Adorei o trecho " (...) a classe econômica e a mais econômica ainda (...)". Sou defensor ferrenho das passagens aéreas sem frescuras. Basta água, poltronas suportáveis e um limite razoável de bagagem. Mas o que o post diz é verdade. Os "luxos" vão sendo cortados mas os preços não acompanham.

Anônimo disse...

Rodrigo,
Eu pensó que as companhias aéreas poden economizar em algunas coisas, mas não em seguridade. A seguridade é o principal!
Carmen

Rodrigo Purisch disse...

Quanto ao Smiles,

O futuro é incerto como o da Varig. Mas acho que a Varigol poderia usá-lo como uma forma de aumentar suas vendas. Há uma possibilidade de que as milhas possam ser utilizadas também na Gol. Vamos aguardar a aprovação da fusão pela ANAC.

Oldemar,

Inicia-se dia 02 de novembro, será diário operado com um 767-300. Parte de Salvador as 8:50, faz escala em Recife de onde parte as 11:35 e chega em Miami as 17:40. Na volta parte de Miami as 21:10, pousa em Salvador as 7:20 e em Recife as 10:05h.

Tem promoção de passagens: De Recife a aprtir de 669 e de SSA a partir de 676 USD sem taxas (QLX14L3B). Tarifas válidas para vôos até 28 de maio, compra 3 dias após a reserva e com reseva com pelo menos 14 dias antes do vôo . Não vale para vôos do dia 27 de nov a 18 de janeiro e de 12 de fevereiro a 21 de fevereiro.

Dudu,

Promoção é promoção. Inicia-se sem avisar e nesse caso específico da TAM nunca teve data para acabar. Quem sabe eles não voltam com ela daqui algum tempo?

Anônimo,

Obrigado pelo link da United. O legal no texto foi: A resposta que tivemos dos nossos clientes corporativos e e associados do Mileage Plus nos levou a reconsiderar a decisão.....

Pêese,

Também não tenha nada contra cortar luxo de vôos curtos. Nos longos já tenho outra opinião. Mas o gande problema é que a economia delas não se reflete nas passagens.

Carmen,

O problema é que essa economia já atingiu o conforto (tem muita cia que desliga o ar condicionado em solo apesar do calor lá fora para economizar combustível). Agora estão questionando se não afeta a segurança. Aviões com menos combustível (para reduzir o peso) estariam também com menos combustível em caso de problemas...Tem uma cia aérea Canadense que vai retirar os coletes salva vidas das aeronaves, alegando que não faz usualmente vôos sobre o mar, só sobre os grandes lagos. Vai economizar menos de 40 kg de peso....

Começa assim e não sabemos onde vai parar...


Um abraço a todos